A convite no Geographia: viagem gastronómica por países lusófonos.

Degustação de entradas

Ambiente

Numa altura em que todos tivemos de adiar os planos de viagem além-fronteiras, vale a pena visitar o Restaurante Geographia, junto às Janelas Verdes em Lisboa.

Quando entramos, somos remetidos para alguns detalhes ainda originais de outra época: os azulejos na parede ou o chão tão característico dos tempos dos nossos avós, mas a decoração foi rejuvenescida e tem bastante carácter (a contar pelo macaco embalsamado, pendurado num dos postes do interior da sala principal).

O logotipo do Geographia é um rinoceronte, que está presente em todos os detalhes: nos pratos, no guardanapo, na base de couro e nas diferentes tábuas em que são servidos os pratos.

Contam ainda com uma pequena esplanada no exterior, para os dias (ou as noites) mais quentes.

A comida

Podíamos pensar que ao provar pratos de diferentes origens, preparados pelo mesmo chefe, correríamos o risco de que soubessem todos ao mesmo. Mas não, antes pelo contrário, cada prato tem a sua identidade e vivemos a experiência muito além das papilas gustativas, pois quer na apresentação, tanto no cheiro, como no sabor, sentimo-nos a colocar os pés noutro lado do planeta que fale português.

Fomos recebidos pelo couvert, composto pelo pão alentejano com manteiga e umas chips de mandioca bem estaladiças, perfeitas para acompanhar o aperitivo escolhido: a Caipirinha Gabriela com cravo e canela.

De entrada, tivemos oportunidade de provar a degustação, que dá para partilhar por até quatro pessoas: a sapateira do Brasil, os dim sum de Macau e os Bolinhos de Feijoada de Angola. Podem optar também pela sugestão vegetariana, os Bogés goeses com chutney de coentros e hortelã, feitos com farinha de grão.

De prato principal, aconselho o Escondidinho de puré de mandioca com camarão, repleto de queijo catupiry caseiro delicioso. Depois, o pato com molho de ostras, que se desfaz no garfo e o gostoso arroz chau-chau (que em nada se compara ao típico, que encontramos num restaurante Chinês).

Finalizem a experiência com a ccc, tão bem condimentada, no nível perfeito de picante e em que cada garfada nos leva a descobrir novos sabores.

Nem só ao jantar se visita o Geographia

Está a valer também lá ir ao almoço ou pedir o pic nic e desfrutar do bom tempo e de uma agradável refeição, num dos jardins de Lisboa.

Nota 5 para o Chefe Daniel, que ainda nos brindou com a sua simpatia e nos contou a história de alguns dos pratos da carta do Geographia.

Geographia Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *